Outono, finalmente

Hoje a temperatura despencou aqui em POA. Pela manhã fez 13 graus. Sem o menor peso na consciência, deixamos Chloe ficar em casa, quentinha, debaixo das cobertas – afinal, embora esteja na segunda série, a professora/estagiária insiste em ensinar as vogais, ou seja, provavelmente nada de útil foi ensinado neste dia. No entanto, agora há pouco, fizemos alguns exercícios de português sobre o uso do ‘s’, ‘ss’, ‘x’ e ‘ch’ e, melhor de tudo, estudamos o poema “Infância”, de Olavo Bilac. Ou seja, além de treinar um pouco mais a correta acentuação – copiei o poema sem nenhum acento e ela teve que acrescentá-los – , Chloe aprendeu um pouco sobre versos, rima e métrica, além de adorar as imagens que a poesia cria na imaginação. =)

Confiram o link para “Infância“.

0 ideia sobre “Outono, finalmente

  1. Amei as dicas de leitura infantil do site sugerido!

  2. Oi, Maria!
    Pois é, um achado, não?
    Estamos amando ler e estudar poesia a partir das publicações do Olavo Bilac! É muito bom para perceber a métrica, as rimas, o ritmo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *